Curso presencial: Curso de introdução ao PJ-e 2.x, suas relações com o e-Gestão e sistemas satélites - Polo Montes Claros/MG Turmas 1 e 2 /2019

publicado 09/08/2019 00:00, modificado 14/02/2020 19:03

A Escola Judicial do TRT-MG promoverá o “Curso de introdução ao PJ-e 2.x, suas relações com o e-Gestão e sistemas satélites - Polo Montes Claros/MG – Turmas 1 e 2 /2019”, nos dias 26 e 27 de agosto de 2019 (turma1) e 27 e 28 de agosto de 2019 (turma 2).

Objetivo

Capacitar magistrados e servidores no uso do PJe, com as melhorias e funcionalidades que estão sendo trazidas pelas novas versões 2.x e suas relações com o e-gestão/Igest e, também, com as rotinas dos Núcleos de Foros e das Varas Trabalhistas.

Formador

André Luiz de Andrade Santos – Secretário da 3ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte.

Período de Realização

Turma 1: 26/08/2019 de 13h30 às 17h30 e 27/08/2019 de 8h30 às 12h30; Turma 2: 27/08/2019 de 13h30 às 17h30 e 28/08/2019 de 8h30 às 12h30

Público-alvo

Magistrados e servidores do Foro e das Varas do Trabalho de Montes Claros, servidores das Varas do Trabalho de Curvelo, Diamantina, Januária, Monte Azul e Pirapora. As vagas remanescentes, se houver, serão destinadas a magistrados e servidores das demais VTs do interior.

Critérios de Seleção

Ordem de inscrição, até o limite das vagas por turma.

Vagas

30 vagas por turma

Carga Horária

8 horas por turma

Critérios de Aprovação

Serão aprovados os alunos que obtiverem participação mínima de 100% da carga horária total do curso e participarem das atividades propostas pelo formador.

Local

Dependências do Centro Universitário UNIFIP-MOC, Montes Claros, MG, Av. Profa. Aida Mainartina Paraiso, 80 - Ibituruna, Montes Claros/MG.

Inscrições

Formulário de inscrição

Período de inscrições: Até 20/08/2019 00h00

Divulgação da lista de selecionados:
dia 21 (a partir das 15h), por meio de comunicado enviado a e-mail institucional informado.

Selecionados

Lista de Selecionados

Observações

Haverá pagamento de diárias e ressarcimento de despesas com transporte rodoviário aos participantes que não residirem em Montes Claros, mediante comprovação. Para cidades com distância igual ou inferior a 100 km, será necessária, também, a apresentação dos comprovantes de hospedagem.

No dia do curso, os participantes deverão registrar sua frequência por meio de assinatura em lista de presença.

O deferimento do Adicional de Qualificação (AQ) está condicionado às determinações contidas na RA 196/17 do CSJT e na Ordem de Serviço 3/18 do TRT-MG.

 

Seção de Formação de Magistrados e Jurídica de Servidores formacao [arroba] trt3.jus.br