Você está aqui: Início / Notícias / Comunicação / Notícias Institucionais / Importadas 2006 a 2008 / Presidente do TRT recebe título em Conselheiro Lafaiete

Presidente do TRT recebe título em Conselheiro Lafaiete

publicado 01/01/2008 14:57, modificado 24/09/2018 13:57

O juiz Tarcísio Alberto Giboski, presidente do TRT da 3ª Região, recebeu, no dia 25 de agosto, o primeiro Título de Benemérito concedido pela Faculdade de Direito de Conselheiro Lafaiete. Após a homenagem, o presidente ministrou uma Aula Magna para cerca de 200 alunos.

Processo virtual

O presidente expôs aos estudantes as medidas adotadas pelo projeto Sistema Integrado de Gestão da Informatização da Justiça do Trabalho, empreendido pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), com a finalidade de agilizar ainda mais a prestação jurisdicional e criar facilidade de acesso e economia de tempo e custo aos jurisdicionados.

Segundo o Juiz Tarcísio Alberto Giboski, em pouco tempo, todos os procedimentos judiciais serão realizados por meio eletrônico, reduzindo os gastos com a compra de papel e espaço físico para sua guarda. Hoje, o arquivo de processos do TRT de Minas Gerais é de 6.000 m². “Até o mês de outubro, será implantado no TRT o e-DOC : Sistema Integrado de Protocolização e Fluxo de Documentos Eletrônicos da Justiça do Trabalho”, informou o presidente. Um panorama de projetos em andamento no TRT mineiro e no restante do país foi apresentado, demonstrando a importância que o TST e o CSJT dão à informatização dos procedimentos judiciais. Entretanto, muitas etapas ainda serão necessárias para a total informatização do processo trabalhista. Em 2005, o TST aplicou R$ 100 milhões e para 2006 a previsão é de R$ 38 milhões.

Durante Aula Magna, o magistrado ainda apresentou aos estudantes as alterações na legislação que tratam do processo virtual.

Visualizações:

Pesquisar

Pesquisa de notícias.

/ /  
/ /