Juíza do TRT-MG faz palestra no II Congresso Brasileiro dos Arquivos do Poder Judiciário

publicado 03/04/2012 08:42, modificado 03/04/2012 11:42

A juíza Maria Cristina Diniz Caixeta, titular da 7ª VT de Belo Horizonte, participou do II Congresso Brasileiro dos Arquivos do Poder Judiciário, realizado em Brasília, entre os dias 27 e 30 de março, com a palestra "Memória da Justiça do Trabalho".

O evento reuniu integrantes dos Arquivos, Programas de Gestão Documental e Centros de Memória do Poder Judiciário de todo o país e, por meio de conferências, palestras e oficinas foram apresentados e discutidos temas pertinentes à situação atual dos arquivos, seus desafios frente às novas tecnologias e à urgente necessidade de preservar e disponibilizar documentos históricos. O foco da discussão, segundo a magistrada, foi o resgate e disponibilização da Memória Institucional do Judiciário Brasileiro ao público interessado e aos pesquisadores. O evento contou com renomados profissionais da área e com a presença de desembargadores, ministros e juízes envolvidos com os Programas de Gestão Documental, Memória e Arquivos em seus respectivos ramos do Judiciário.

Juíza do TRT-MG faz palestra no II Congresso Brasileiro dos Arquivos do Poder Judiciário (imagem 1)

A Juíza integrou uma mesa composta pelo Ministro do TSE Henrique Neves e pelo Juiz Jerson Moacir Gubert, Assessor da Presidência do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul. Os conferencistas abordaram os Programas de preservação documental e resgate da Memória em suas respectivas Instituições. A fala da Juíza Maria Cristina contemplou a trajetória dos programas de preservação da Memória na Justiça do Trabalho em todo o país, desde final o da década de 1990, traçando uma retrospectiva de suas realizações e apontando os desafios futuros.

Visualizações: