Cemig adere ao programa de combate ao trabalho infantil e de proteção ao trabalho do adolescente da JT de Minas

publicado 23/10/2014 14:32, modificado 23/10/2014 16:32
Cemig adere ao programa de combate ao trabalho infantil e de proteção ao trabalho do adolescente da JT de Minas (imagem 1)

O desembargador do TRT da 3ª Região, Anemar Amaral, gestor regional do Programa Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho - Programa Trabalho Seguro, participou, nessa quarta-feira, 22, de uma reunião na Cemig para renovar a parceria entre as duas instituições, agora com foco em ações voltadas ao programa Erradicação do Trabalho Infantil da Justiça do Trabalho. A companhia, que desde 2012 participa do Programa Trabalho Seguro divulgando informações sobre a importância da prevenção dos acidentes de trabalho nas contas de luz, vídeos institucionais, folders eletrônicos, cartazes e calendários internos, passará também a divulgar mensagens contra o trabalho infantil nestes mesmos espaços.

O desembargador, que também integra a Comissão Regional pela Erradicação do Trabalho Infantil da Justiça do Trabalho, e o assessor especial da Presidência do TRT-MG e gerente do Programa Trabalho Seguro, Paulo Haddad, foram recebido na Cemig pela diretora jurídica da empresa, Maria Celeste Morais, pelo superintendente jurídico, Marcelo Alkmim Ferreira de Pádua, e pelo gerente de segurança do trabalho, saúde e bem-estar, João José Magalhães Soares.

A Comissão de Erradicação do Trabalho Infantil e de Proteção ao Trabalho Decente do Adolescente, que foi instituída por ato conjunto do TST e do CSJT nº 21/2012, tem como objetivo é desenvolver ações, projetos e medidas em prol da erradicação do Trabalho Infantil e tem como parâmetro o dever institucional e a responsabilidade social da Justiça do Trabalho de atuar ativamente na implementação de políticas pela erradicação deste tipo de prática. (Solange Kierulff - Fotos: Madson Morais)

Visualizações:

Seção de Imprensa imprensa [arroba] trt3.jus.br