Cejusc-JT de 1º grau realiza audiências por videoconferência

publicado 12/05/2020 18:24, modificado 13/05/2020 13:39

Com as suspensões das audiências presenciais na Justiça do Trabalho, diante da pandemia de coronavírus, e, observando a Recomendação n. 1/CSJT.GVP, de 25 de março de 2020 CSJT, o Ato Conjunto CSJT.GP. GVP.CGJT Nº 6, DE 05 DE MAIO DE 2020 c/c com a Portaria GP 117, DE 20 DE MARÇO DE 2020, o Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas de 1o Grau do TRT-MG teve que se adaptar para dar continuidade as audiências de conciliação de sua competência.

Segundo a juíza Flávia Rossi, supervisora do Cejusc1, a partir do último dia 23 de março, o Centro passou aproximadamente 20 dias buscando, dentre outras ações, a adequação de novos textos de ata e despachos, fazendo as adaptações, junto ao Tribunal, dos computadores e sistemas a serem utilizados remotamente, treinando os conciliadores para o uso da ferramenta Cisco/Webex de teleconferência – tudo a possibilitar o perfeito desenvolvimento dos trabalhos em meados de abril.

Passado o período de treinamento e adaptação, nos últimos 10 dias de abril, de forma remota, foram designadas 59 audiências que resultaram em 27 acordos (45,76%), tendo os valores alcançado a cifra negociada de R$ 1.380.039,32.

No Cejusc-JT de 1º grau você pode solicitar, neste período em que estão suspensas as audiências presenciais, a conciliação nos processos eletrônicos que tramitam no 1º grau da Justiça do Trabalho de Minas Gerais relativamente às 48 varas de Belo Horizonte e às seis varas de Contagem, em fase de conhecimento e execução, sendo as audiências realizadas pelo sistema de videoconferência ou, ainda, tentativa conciliatória por meio de petição dialética - tudo sob a supervisão da Juíza.

Pontualmente, nesse período de pandemia, os processos físicos ficam impossibilitados de serem remetidos para tentativa conciliatória no Cejusc-JT-1º grau.

A solicitação para o processo eletrônico ser encaminhado ao Centro é muito simples. Basta peticionar via PJe no processo que desejar e requerer que seja remetido para uma tentativa conciliatória ou, ainda, pelo site do TRT-MG.

Banner_JT_Nao_Para2.jpeg

Visualizações: