Justiça e Cidadania recebe estudantes da UNIFOR/MG

publicado 03/11/2015 13:00, modificado 03/11/2015 15:00

Na última quarta-feira (28), 43 alunos do 8º e 10º períodos do curso de Direito do Centro Universitário de Formiga - UNIFOR/MG, acompanhados pelos professores Ana Flávia Paulinelli Rodrigues Nunes e Lucas Mascarenhas, conheceram o Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, por meio do Programa Justiça e Cidadania, do Centro de Memória da Justiça do Trabalho - Escola Judicial.

Justiça e Cidadania recebe estudantes da UNIFOR/MG (imagem 1)

Os alunos fizeram uma visita mediada à Exposição Trabalho & Cidadania. Após, assistiram a parte da sessão da 3ª Turma, quando foram saudados pela presidente da Turma, Desembargadora Camila Guimarães Pereira Zeidler. Em seguida, os estudantes participaram de uma audiência simulada, conduzida pelo desembargador José Eduardo de Resende Chaves Júnior.

Justiça e Cidadania recebe estudantes da UNIFOR/MG (imagem 2)

Na ocasião, o magistrado surpreendeu os universitários quando solicitou que aqueles que representavam testemunhas se retirassem do ambiente para que não ouvissem os depoimentos dos demais. Nesse momento, eles sentiram a seriedade da atividade.

Ao fim da audiência, antes de explicar sua decisão, o desembargador José Eduardo de Resende Chaves Júnior deu oportunidade a dois alunos e às estagiárias de seu gabinete, Carolina Carsalade e Michelle Aragão (que ele levou para participarem da atividade), de fazerem o papel de juízes e explicitarem suas decisões além de justificá-las.

Justiça e Cidadania recebe estudantes da UNIFOR/MG (imagem 3)

A universitária Lilian Sousa Terra, que pretende atuar na área trabalhista e durante a simulação foi advogada da reclamante, disse que sentiu um nervosismo por estar perante um desembargador e considerou o momento muito significativo.

O Programa Justiça e Cidadania tem como objetivo estabelecer canais de comunicação entre a Instituição e a sociedade, dando a oportunidade aos visitantes de conhecer um pouco da história e do funcionamento da Justiça do Trabalho. A atividade atende escolas da rede pública e privada da capital e do interior do Estado, abrangendo os ensinos fundamental, médio, universitário e supletivo. Interessados em participar podem procurar os responsáveis pelo Centro de Memória, pelo telefone: (31)3215-7919.

(Carolina Lobo - Estagiária)

Visualizações: