Nesta 4ª feira, TRT-MG inaugura nova biblioteca em prédio histórico

publicado 29/06/2015 15:38, modificado 29/06/2015 18:38

Com a presença da desembargadora presidente Maria Laura Franco Lima de Faria e a da 2ª vice-presidente e diretora da Escola Judicial, desembargadora Emília Facchini, dentre outras autoridades do tribunal, serão inauguradas nesta quarta-feira (01/07), às 17 horas, as novas instalações da biblioteca do TRT-MG. Ao celebrar também os seus 40 anos, ela agora se denomina Biblioteca do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região - Escola Judicial, e está sediada no prédio histórico do TRT-MG, à Rua Curitiba 835, no centro de Belo Horizonte, onde vai se realizar a solenidade. Na ocasião, também acontecerá o lançamento do livro Direitos do Trabalhador: Teoria e Prática, obra em homenagem à emérita professora Alice Monteiro de Barros.

A nova unidade incorpora duas bibliotecas: a Juiz Cândido Gomes de Freitas, inaugurada em 23 de maio de 1975 e que resultou dos esforços do então presidente do TRT, Juiz Luiz Philippe Vieira de Mello; e a Juiz Osiris Rocha, inaugurada em 27 de junho de 2003, pelo Juiz Luiz Philippe Vieira de Mello Filho, então diretor da Escola Judicial.

Dois grandes nomes

O juiz Cândido Gomes de Freitas foi um dos baluartes da Justiça do Trabalho em Minas Gerais. Sua consciência da necessidade de se criar um acervo para dar suporte às atividades judiciárias e suas significativas doações de livros e revistas foram fatores decisivos para a criação da Biblioteca da Justiça do Trabalho. Já a Biblioteca Juiz Osiris Rocha foi idealizada para prover apoio documental e técnico à Escola Judicial. O nome escolhido para ela foi uma homenagem ao ilustre catedrático, escritor e magistrado do Direito do Trabalho da 3a. Região.

Unificadas as duas unidades, a Biblioteca do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região - Escola Judicial tem a missão de oferecer à comunidade em geral o acesso ao conhecimento e proporcionar o suporte informacional necessário às atividades desenvolvidas no TRT3, no intuito de contribuir para a boa prestação jurisdicional. Ela oferece informação especializada e interdisciplinar, além de proporcionar ambiente adequado para leitura e consulta.

Acervos e serviços

O seu conjunto abrange os vários campos da ciência jurídica e as diversas áreas do conhecimento, com ênfase nos assuntos referentes ao Trabalho, Direito do Trabalho e Previdência Social. O acervo físico compreende livros, periódicos nacionais e estrangeiros, teses, dissertações, dicionários gerais e especializados, folhetos, relatórios, enciclopédias, material multimídia e obras em braile. É composto pelas coleções:

Coleção de obras jurídicas e ciências afins;

Coleção especial e livros raros;

Coleção juiz Osíris Rocha;

Coleção de referência;

Coleção multimídia;

Coleção cultura e lazer;

Coleção braile.

Por sua vez, o acervo on-line é formado pela Biblioteca Digital do TRT-MG e pela assinatura de outras quatro bibliotecas virtuais: LTr, Fórum, vLex e Minha Biblioteca.

A nova biblioteca oferece os seguintes serviços:

Empréstimo domiciliar

Empréstimo, renovação e reserva on-line

Empréstimo entre bibliotecas

Matrícula on-line

Divulgação de novas aquisições

Orientação para normalização de publicações técnico-científicas

Orientação/treinamento para pesquisas no acervo e nas bibliotecas digitais

Intercâmbio de publicações

A Escola Judicial tem como diretora a desembargadora Emília Lima Facchini; e como secretário, Paulo Jacinto Machado. O Setor de Biblioteca é coordenado pela bibliotecária Márcia Lúcia Neves Pimenta (CRB 1485)

Visualizações: