Pesquisa de satisfação mostra percepção positiva dos serviços do TRT-MG

publicado 03/03/2015 13:59, modificado 10/03/2019 11:05

A população usuária do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região-MG avaliou com nota 8,39, num total de 10, a prestação geral de serviços promovida pelo Tribunal. Esse índice revelou um aumento de quase um ponto percentual na nota obtida, em relação a uma pesquisa feita em 2009, dentro dos mesmos padrões técnicos.

Entre os usuários profissionais entrevistados (advogados e estagiários) atuantes na Justiça do Trabalho, a nota obtida foi também alta: 7,92, demonstrando também uma melhoria, embora mais discreta, em face do índice obtido na pesquisa anterior, de 7,87.

A dificuldade de acesso dos veículos às unidades do TRT-MG e a falta de placas indicativas externas foram apontados como fatores de menor satisfação. Os profissionais deram nota 4,5; e os não profissionais (reclamantes, reclamados e testemunhas), 5,4. Já o tempo de espera nas audiências também foi mencionado como problema: profissionais o pontuaram com 5,6; e os não profissionais, com 6,4.

Um dos números mais interessantes foi a consideração feita pelos usuários não profissionais sobre a justiça das decisões nos processos trabalhistas. Independentemente de terem ganhado ou perdido as respectivas causas, os usuários deram a expressiva nota 7,4 para a justeza da sentença, o que indica que, provavelmente, quem não obteve ganho de causa também contribuiu para considerar satisfatório o resultado, do ponto de vista da justiça aplicada aos julgamentos.

Na pesquisa, feita pelo Instituto Signates, de Goiás, 1.133 pessoas foram entrevistadas, entre profissionais e não profissionais, das quais 555 usuários (reclamantes, reclamados e testemunhas) e 578 profissionais, dos quais 540 eram advogados com processos em tramitação na Justiça do Trabalho. A pesquisa abordou vários aspectos do funcionamento do TRT-MG, desde a infraestrutura até a prestação de serviços jurisdicionais, além de avaliar o acesso a informações divulgadas pelo Tribunal.

Os resultados mostraram um elevado índice de satisfação. Os usuários do TRT deram notas entre zero a dez aos itens de infraestrutura e serviços. Elementos como a cordialidade e o preparo técnico dos servidores obtiveram notas acima de 8,0. Em infraestrutura, itens como segurança, localização e limpeza foram também avaliados como muito bons.

Clique aqui para ter acesso a pesquisa.

Visualizações: