Você está aqui: Início / Notícias / Comunicação / Notícias Institucionais / Importadas - 2015 a 2016 / Programa Justiça e Cidadania volta com novidades

Programa Justiça e Cidadania volta com novidades

publicado 30/03/2016 14:39, modificado 30/03/2016 17:39

Nos dias 29 e 30 de março, o Programa Justiça e Cidadania, do Centro de Memória da Justiça do Trabalho - Escola Judicial, que recebe estudantes para conhecer o Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região, realizou sua primeira atividade, deste ano.

De acordo com a servidora do Centro de Memória, Renata Safe, novos magistrados voluntários e processos com temas como: trabalho análogo ao de escravo, pedido de indenização de danos morais por assédio moral e trabalho doméstico foram integrados à audiência simulada, que é parte da atividade. Também informou que esse ano receberão mais alunos de escolas públicas e do projeto de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

A servidora explicou que a grande mudança do Programa nesse ano é sua descentralização. "A partir de abril, os magistrados do interior, que se interessarem, receberão um material do Justiça e Cidadania, para que nas Varas realizem a audiência simulada", completou.

Programa Justiça e Cidadania volta com novidades (imagem 1)

No primeiro dia, 30 alunos do Curso de Direito, da PUC Minas, acompanhados pelo professor Paulo Roberto Sifuentes Costa, foram recebidos, no TRT3. Participaram de uma visita mediada e da audiência simulada, conduzida pela juíza  Ângela Castilho Rogedo Ribeiro, titular da 14ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte.

No dia seguinte, acompanhados pela professora Andréa de Campos Vasconcellos, 30 estudantes, do curso de Direito da Fumec, assistiram à sessão da 4ª Turma. Além disso, foram conduzidos pelo o estagiário do curso de História, Philippe Lenoir, na exposição "Trabalho & Cidadania". Além de participar de audiência simulada conduzida pelo desembargador Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto.

Programa Justiça e Cidadania volta com novidades (imagem 2)

Após conduzir a visita mediada e exposição, localizada no hall do edifício-sede, Philippe ressaltou a importância em debater questões sociais com os alunos, futuros operadores do Direito. "Para hoje nós termos a legislação trabalhista, muitos sofreram e lutaram. Por meio da história do trabalho no Brasil é possível apresentar um ponto de vista mais humano acerca do trabalhador", disse ele.

Programa Justiça e Cidadania volta com novidades (imagem 3)

O Programa Justiça e Cidadania atende escolas da rede pública e privada da capital e do interior do Estado, abrangendo os ensinos fundamental, médio, universitário e supletivo. Interessados podem procurar os responsáveis pelo Centro de Memória, pelo telefone (31)3215-7919.

(Carolina Lobo - Estagiária | Fotos: Leonardo Andrade e Madson Morais)

Visualizações:

Pesquisar

Pesquisa de notícias.

/ /  
/ /