Comerciários de Ituiutaba e Pontal do Triângulo fazem acordo no TRT

publicado 23/08/2006 06:00, modificado 23/08/2006 09:00

A Vice-Presidente Judicial, Juíza Maria Laura Franco Lima de Faria, em audiência de conciliação e instrução em dissídio coletivo, realizada ontem, dia 22 de agosto, suscitado pelo Sindicato dos Empregados no Comércio de Ituiutaba e Pontal do Triângulo Mineiro conta o Sindicato do Comércio Varejista de Ituiutaba(TRT-00895-2006-000-03-00-0), conseguiu que as partes finalmente chegassem a um consenso. O processo foi suspenso por 15 dias, já que as partes, através de seus procuradores, informaram que o acordo já estava em fase final de formalização do instrumento normativo. Ficou estabelecido, assim, que, ao ser concretizada a Convenção Coletiva, devidamente assinada e depositada na Delegacia Regional do Trabalho, deverá o sindicato dos empregados entrar com uma petição nos autos requerendo a desistência do dissídio. A juíza instrutora enfatizou, durante a audiência, que “alcançar a conciliação, mediante a negociação direta, é a situação ideal para as partes”.

Visualizações: