Magistrados mineiros participam de curso da Enamat

publicado 13/07/2007 14:52, modificado 13/07/2007 17:52

A Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho (Enamat) promoveu, na semana de 25 a 29 de junho, o 1º Curso de Formação de Formadores em Técnica de Juízo Conciliatório . Da 3ª Região, participaram como alunos o juiz do trabalho substituto, Luiz Olympio Brandão Vidal, e o juiz Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto, titular da 39ª Vara do Trabalho de BH, membros do Conselho Consultivo da Escola Judicial.

A partir de agora, eles passam a atuar como formadores multiplicadores em seus regionais. A Enamat estabeleceu cronograma, com prazo máximo de 120 dias, para implantação de curso-piloto nas regiões que indicaram alunos para o curso.

Na abertura do evento, no dia 25 de junho, o ministro Carlos Alberto Reis de Paula, diretor da Escola, destacou o caráter de multidisciplinaridade e a transdisciplinaridade do curso, ao lembrar a abordagem de aspectos jurídicos, sociológicos, psicológicos e deontológicos da conciliação. O formato "inédito" constou de aulas expositivas, vídeos e simulações preparados "com especial talento" pelos juízes e professores Giovanni Olsson (TRT da 12ª Região) e Adriana Goulart de Sena (TRT da 3ª Região). Foram apresentados ainda subsídios específicos para cada Região, de forma a facilitar a continuação do trabalho dos magistrados, conforme explicou o ministro, que ressaltou, ainda, que o curso é o primeiro vínculo real, "forte e objetivo" que se estabelece entre os Tribunais Regionais e a Enamat.

Minas Gerais representada no corpo docente
Magistrados mineiros participam de curso da Enamat (imagem 1)

Grande parte do corpo docente foi composta por professores mineiros, dentre magistrados, uma servidora do TRT da 3ª Região e uma professora da UFMG.

Participaram como formadoras as juízas conselheiras da Escola Judicial da 3ª Região Adriana Goulart de Sena, titular da 35ª VT de BH; Graça M. Borges de Freitas, titular da VT de Formiga; o desembargador da 3ª Região Márcio Túlio Vianna (foto); a servidora do TRT da 3ª Região e psicanalista Judith Euchares Ricardo de Albuquerque; e a professora da UFMG Miracy Barbosa de Sousa Gustin.

Visualizações:

Seção de Imprensa imprensa [arroba] trt3.jus.br