Você está aqui: Início / Notícias / Comunicação / Notícias Institucionais / Importadas 2006 a 2008 / Segunda Instância do TRT inicia mutirão para conciliação de processos

Segunda Instância do TRT inicia mutirão para conciliação de processos

publicado 04/12/2006 14:41, modificado 04/12/2006 16:41

O juiz Tarcísio Alberto Giboski, presidente do TRT, participou, nesta segunda-feira, 4 de dezembro, no Plenário do TRT, do Mutirão para conciliar processos na Segunda Instância , atividade que faz parte da “Semana da Conciliação no TRT” . O mutirão teve início às 13h30min, na sessão da Primeira Turma, com 4 processos incluídos em pauta. Em um desses processos, após diversas negociações, os juízes e procuradores das partes chegaram a um acordo realizando a primeira conciliação. O processo tramitava desde de 2003.

A inclusão de processos passíveis de conciliação na pauta das Turmas do TRT obedece à forma da proposição do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

“A Semana da Conciliação no TRT tem por objetivo apresentar à sociedade a conciliação como uma contribuição para a paz social. Por isso, tem que haver um apaziguamento dos espíritos. A solução amigável dos conflitos é o melhor caminho”, disse o juiz Tarcísio Giboski, na abertura da sessão da Primeira Turma.

Segunda Instância do TRT inicia mutirão para conciliação de processos (imagem 1)
Sessão da 1ª Turma

Participaram da sessão os juízes Maurício José Godinho Delgado (presidente da Primeira Turma), Deoclécia Amorelli Dias, Marcus Moura Ferreira e Manuel Cândido Rodrigues.

Após a homologação do acordo, que contou com esforços e ponderações das partes e dos juízes, o presidente do TRT solicitou o encaminhamento de uma cópia da ata para o Centro de Memória da Justiça do Trabalho de Minas Gerais e outra para a ministra Ellen Grace Northfleet, presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça que promove o Movimento pela Conciliação.

Segunda Instância do TRT inicia mutirão para conciliação de processos (imagem 2)
Juiz Tarcísio Giboski e os advogados Luciano Marcos da Silva e Alberto Magno Gontijo Mendes

Visualizações:

Pesquisar

Pesquisa de notícias.

/ /  
/ /