Banco do Brasil quer reduzir demandas trabalhistas mediante conciliação

publicado 14/02/2011 18:29, modificado 14/02/2011 20:29

Em visita ao Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região - MG, na tarde desta segunda-feira, 14 de fevereiro, uma comitiva do Banco do Brasil acenou com a possibilidade de reduzir as demandas trabalhistas da instituição financeira por meio de conciliações.

Banco do Brasil quer reduzir demandas trabalhistas mediante conciliação (imagem 1)
Regina Nígri, Delmindo Rosa e Carlos Alberto Bezerra, gerentes do Banco do Brasil, e o desembargador Eduardo Augusto Lobato Foto: Leonardo Andrade

A notícia foi muito bem recebida pelo presidente do Tribunal, desembargador Eduardo Augusto Lobato, que destacou, na ocasião, que a Justiça do Trabalho mineira incentiva a solução dos conflitos pela via negociada.

Foi discutida também a viabilidade de interligação informatizada com o Banco do Brasil junto ao Tribunal para o intercâmbio de informações relativas a processos e ao processamento eletrônico das guias dos depósitos e pagamentos judiciais. A questão ficou de ser estudada, tanto do ponto de vista técnico quanto legal. (Walter Sales)

Visualizações: