e-Gestão do TRT alcança ótimos resultados no ranking nacional

publicado 28/06/2012 16:55, modificado 28/06/2012 19:55

Em reunião ocorrida nessa quarta-feira, no TST, em Brasília, componentes do Grupo Gestor do TRT-MG, responsável pelo aprimoramento do Sistema e-Gestão no 2º Grau e por sua implantação no 1º Grau, receberam a confirmação de que o TRT de Minas obteve ótimos resultados no ranking nacional do e-Gestão do 2º Grau, com 100% de dados enviados e um dos menores percentuais de dados nulos/zero (15,7%). No e-Gestão do 1º Grau não foi muito diferente, pois já foram enviados 99,3% dos dados.

Outro ponto importante para o e-Gestão foi o despacho do ministro-corregedor Antônio José de Barros Levenhagen autorizando o TRT-MG a substituir os boletins estatísticos pelos dados do sistema e-Gestão de 2º Grau.

A reunião tratou da 4ª etapa do sistema, cuja data de implantação está prevista para o dia 8 de agosto deste ano, com o atendimento de 48 itens relativos a dados processuais, que vão permitir ao corregedor-geral do TST conhecer, em tempo real, os dados estatísticos dos tribunais regionais.

Segundo o presidente da Comissão de Informática do TRT Mineiro e coordenador do aludido grupo gestor, desembargador Ricardo Antônio Mohallem, "esses dados são da maior importância, na medida em que permitem que seja avaliada a situação da Justiça do Trabalho, para saber quais setores necessitam de aprimoramento, onde residem gargalos ou congestionamentos processuais etc." O desembargador afirmou que o TRT-MG já tem trabalhado para cumprir também esta etapa, contando com o comprometimento dos servidores e magistrados de ambos os graus.

Também participaram da reunião os dirigentes Gilberto Atmam e Sandra Pimentel, bem como o assistente da presidência, Eduardo José da Fonseca.

Visualizações: