Presidente vistoria novas estações de trabalho das Varas de BH

publicado 01/08/2011 17:31, modificado 01/08/2011 20:31

O presidente do TRT-MG, desembargador Eduardo Augusto Lobato, esteve na tarde de hoje, dia 1º, no Foro da 1ª Instância de Belo Horizonte para vistoriar as novas estações de trabalho instaladas nas 40 Varas da capital, acompanhar os trabalhos do Núcleo de Pesquisa Patrimonial, bem como para conhecer os espaços onde serão instaladas as subsecretarias de Expedição e de Segurança, no prédio da Rua Mato Grosso nº 400, onde funcionava a gráfica.

Acompanhado do diretor-geral do TRT, Ricardo Marques, e do secretário-geral da presidência, Demósthenes Silva, o presidente visitou, primeiro o Núcleo de Pesquisa Patrimonial, comandado pelo juiz substituto Marcos Vinicius Barroso, que entregou a Eduardo Lobato um relatório do levantamento de devedores, feitos pelo Núcleo, com bens ocultados suficientes para o pagamento de suas dívidas trabalhistas. O presidente também foi informado de que R$ 416.560,00, resultantes do leilão unificado de veículos, já foram repassados às Varas do Trabalho da Capital para pagamento de credores, e que mais R$ 491.400,00 serão disponibilizados em breve. Para Marcos Vinicius, a visita recebida foi muito importante, pois o presidente, como gestor, pôde ver o fruto de um projeto idealizado e viabilizado por ele.

Presidente vistoria novas estações de trabalho das Varas de BH (imagem 1)

Para ver os locais de trabalho com as novas estações, o presidente visitou as secretarias das 13ª e 14ª Varas, sendo recebido por suas respectivas diretoras, Daniela Leite Rocha e Maria Cristina Soares Carmo Costa. Acompanhado também do diretor do Foro, juiz Ricardo Marcelo Silva; do assessor de apoio à 1ª Instância, Sílvio Túlio Peixoto; dos diretores Bruno Azalim Rodrigues da Costa e Margareth Maria Telles Bastos, respectivamente das secretarias de Cálculos e de Mandados Judiciais, e de Aparecida Maria Palhares, assistente do Apoio à 1ª Instância e da Diretoria Foro, o presidente conversou com as citadas diretoras e servidores a respeito do novo mobiliário.

Presidente vistoria novas estações de trabalho das Varas de BH (imagem 2)
Fotos: Leonardo Andrade

De acordo com Sílvio Túlio, foram instaladas 318 estações, numa média de oito por Vara, sempre nos fins de semana, para não prejudicar a rotina das Varas. Para o servidor Júlio César da Silva Araújo, da 14ª VT, "o formato em "L" da mesa, conjugada para trabalho e computador, facilita o uso desta máquina concomitante com o manuseio dos processos". Já a colega Bárbara Gonçalves de Araújo Braga, do Núcleo de Pesquisa Patrimonial, destacou que "as novas estações proporcionam conforto e importante ganho de espaço". Este conforto, citado por Bárbara, proporcionado pelo mobiliário adequado, resulta em maiores satisfação e produtividade do servidor, na visão do diretor-geral do TRT, Ricardo Marques.

Eduardo Lobato, por seu turno, salientou que "as estações de trabalho possibilitaram a todo servidor um local próprio de prestação de serviços e a forma como foram idealizadas e concebidas permitiu a criação de espaços de circulação muito maiores, melhorando o ambiente de trabalho, tudo isso com observância dos cuidados com as questões de ergonomia". Ricardo Marcelo Silva, por sua vez, salientou que "as novas estações representam a modernização do antigo mobiliário das Varas, com o objetivo de proporcionar mais conforto aos juízes e servidores".

Presidente vistoria novas estações de trabalho das Varas de BH (imagem 3)

Os dirigentes aproveitaram a oportunidade para conhecer também as máquinas de auto-atendimento para protocolo - ainda não instaladas, por meio das quais poderão ser protocolizadas as petições de até 50 laudas. Segundo o diretor de Distribuição de Feitos, Ricardo Santoro Francisco, que falou ao presidente sobre as máquinas, elas foram adquiridas para desafogar a fila de protocolo. Ainda de acordo com ele, elas fotografam, em questão de segundos, a primeira lauda da peça protocolizada.

Os espaços, já preparados para a instalação das subsecretarias de expedição e de segurança, conhecidos pela comitiva, ficam no prédio da Rua Mato Grosso, nº 400. O espaço da Diretoria de Apoio Administrativo, dotado de refeitório, mobiliário e banheiros, será destinado aos prestadores de serviços terceirizados, como de conservação e limpeza, carregadores, atendentes, recepcionistas, ascensoristas etc. (Walter Sales)

Presidente vistoria novas estações de trabalho das Varas de BH (imagem 4)

Visualizações: