Trabalhadores da Santa Casa recebem mais de 5 milhões de reais em passivos trabalhistas

publicado 01/07/2011 15:19, modificado 01/07/2011 18:19

Depois de audiência, realizada nesta sexta-feira, 1º de julho, no Foro Trabalhista de Belo Horizonte, o Juiz do Trabalho Ricardo Marcelo Silva, expediu alvarás liberando recursos financeiros da Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte para o pagamento de passivos trabalhistas, que somam mais de R$ 5 milhões de reais. Os trabalhadores entraram com ações por meio do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos e Serviços de Saúde (SINDEESS-BH).

De acordo com o Juiz, os processos foram movidos em 2003 e os passivos são decorrentes de diferenças salariais, descumprimento de acordos das convenções coletivas, falta de depósitos de FGTS, além da não aplicação de reajustes salariais em alguns períodos.

Ainda segundo o magistrado, o dinheiro está disponível na conta do Sindicato da categoria para ser repassado, já nesta segunda-feira, aos trabalhadores da Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte.(Márcia Barroso)

Visualizações:

Seção de Imprensa imprensa [arroba] trt3.jus.br