Araguari inaugura nova Vara do Trabalho com anúncio de terreno para instalar sede própria

publicado 21/11/2013 18:17, modificado 21/11/2013 20:17

Foi inaugurada na tarde desta quinta-feira, dia 21 de novembro, a 2ª Vara do Trabalho e o Foro Trabalhista de Araguari, em cerimônia que contou com a presença da presidente do TRT-MG, desembargadora Deoclecia Amorelli Dias. O evento também marcou a adoção, no município, dos processos judiciais informatizados através do sistema PJe. Dessa data em diante, todas ações passam a tramitar no novo formato a partir da fase de liquidação e de execução.

Após anunciado o início do evento, foi realizado o hasteamento das bandeiras, ao som do hino nacional, pela voz do professor de canto Júlio César Alves, acompanhado pelo piano de Cláudia Mara Costa Perfeito.

Araguari inaugura nova Vara do Trabalho com anúncio de terreno para instalar sede própria (imagem 1)

Na sequência, a placa de inauguração foi descerrada pela presidente do tribunal, pela juíza Zaida José dos Santos, titular da vara de Araguari e pelo juiz auxiliar Marco Aurélio Ferreira Clímaco dos Santos, da Vara do Trabalho do município. As três personalidades também fizeram o corte simbólico da fita que marcou a inauguração da nova vara de Araguari.

Antecedendo a fala das autoridades da área jurídica, as novas instalações foram abençoadas em breves discursos realizados pelo pastor Nilson de Melo, que representou a igreja Assembléia de Deus Central de Araguari, e de Jéssy Carízio de Paula, presidente do Centro Espírita Caridade, entidade à qual pertence o imóvel onde passou a funcionar a nova vara.

O presidente da subseção local da OAB, Dalto Umberto Rodrigues, primeiro a falar depois dos representantes religiosos, fez elogios ao PJe e comentou que a Justiça do Trabalho é a mais célere do país, citando dados do site de notícias jurídicas "Jus-Brasil". Ele também lembrou que a Resolução 63 prevê a necessidade de juiz substituto nas varas que recebem mais de mil processos por ano. Por fim, homenageou a juíza Zaida José dos Santos, "que de forma incansável lutou pela 2ª vara" e a presidente do tribunal "que, com sensibilidade, soube ouvir os apelos da sociedade de Araguari".

A juíza Zaida José dos Santos, aniversariante do dia, lembrou da época em que foi morar na cidade de Araguari, dos temores que essa mudança inicialmente lhe trouxe e das várias famílias de amigos que lá formou. Ela elogiou a equipe de servidores com que trabalha, que chamou de "orquestra" para ressaltar a característica afinada do grupo. Também falou sobre as vantagens da localização da nova vara, pelo fácil acesso. Lembrando que a construção originalmente foi concebida para ser uma escola, fez um paralelo dizendo que a Justiça do Trabalho também tem o papel de educar. Para ela, o PJe assusta porque é novo, mas a evolução é necessária e que a OAB tem o papel de garantir o acesso de todos a esse novo formato eletrônico de tramitação processual.

Araguari inaugura nova Vara do Trabalho com anúncio de terreno para instalar sede própria (imagem 2)

Última a fazer uso da palavra, a presidente do TRT-MG, desembargadora Deoclecia Amorelli Dias, começou falando do papel marcante que o trem - concebido como a "alma de Minas" - tem para a cidade de Araguari. A representante máxima do tribunal lembrou que as linhas férreas levaram diversas profissões para a cidade e, com elas, o desenvolvimento comercial, econômico e social, passando a determinar características do modo de ser e viver da população local. Por outro lado, a desembargadora também afirmou que a cidade não se faz representar apenas por aquele trem que teve papel histórico, mas também pelo "trem do progresso". Após citar diversos atrativos turísticos da cidade, falou sobre a economia sólida, a infraestrutura, a competitividade do setor agropecuário, as indústrias e demais empresas que se destacam no município. Com o aumento do volume processual, a presidente ressaltou que a nova vara amplia o acesso à Justiça. Sobre o PJe, ela falou de ganhos ecológicos que traz, ao substituir o papel e seus derivados. Ao final, a presidente do TRT anunciou publicamente que a prefeitura irá doar um terreno para construir uma sede própria da Justiça do Trabalho local.

Araguari inaugura nova Vara do Trabalho com anúncio de terreno para instalar sede própria (imagem 3)
Quem implantou o PJe foi a juíza titular da 5ª Vara do Trabalho de Uberlândia, Andréa Marinho Moreira Teixeira, e o diretor da Vara de Araguari, Edilson Virga de Andrade

Após as falas, foi anunciado o aniversário da juíza Zaida José dos Santos e todos os presentes cantaram o "parabéns".

Além dos já citados, também se encontravam presentes à cerimônia, pelo TRT, a juíza auxiliar da presidência, Olívia Figueiredo Pinto; o secretário-geral da Presidência, Eliel Negromonte Filho; e a diretora da Coordenaçao Judiciária, Sandra Pimentel Mendes. A OAB estadual se fez representar pelo seu conselheiro João Jorge Filho. Magistrados de Uberlândia e de outras cidades, membros do Ministério Público, vereadores, secretários do município, representantes de entidades, autoridades militares, profissionais da imprensa e demais personalidades e expoentes da população local também prestigiaram o evento. (De Araguari, David Landau/fotos: Leonardo Andrade)

TRT-MG inaugura Central Permanente de Conciliação (imagem 1)

Visualizações: