Central Permanente de Conciliação do TRT de Minas ganha repercussão na imprensa

publicado 19/08/2013 15:30, modificado 19/08/2013 18:30

A gestora suplente da Comissão de Efetividade da Execução, juíza Maria Cecília Alves Pinto, titular da 26ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte, participou ao vivo, na manhã desta segunda-feira, 19 de agosto, do programa Opinião, da Rede Minas, para falar sobre a Central Permanente de Conciliação da 1° Instância.

Central Permanente de Conciliação do TRT de Minas ganha repercussão na imprensa (imagem 1)

Durante a entrevista, que durou 30 minutos, a juíza falou dos objetivos da criação da Central e de outros temas, como terceirização e Semana Nacional da Execução, que acontece entre os próximos dias 26 e 30 de agosto.

O programa, apresentado pela jornalista Técia Garcias, contou com a participação de telespectadores de várias cidades, como Juiz de Fora, Montes Claros e Vale do Jequitinhonha, que tiveram a oportunidade de tirar suas dúvidas com a juíza.

Além do programa Opinião, da Rede Minas, a juíza Maria Cecília também participou, nesta manhã, do Jornal da Itatiaia - 1° Edição, e concedeu entrevista para a Rádio BandNews FM.

Central Permanente de Conciliação do TRT de Minas ganha repercussão na imprensa (imagem 2)

O Gestor Regional do Núcleo de Conciliação Permanente da JTMG, desembargador Márcio Flávio Salem Vidigal, também deu entrevista ao repórter Carlos Viana, que será veiculada no Jornal da Itatiaia - 1ª edição de amanhã, terça-feira, dia 20 de agosto. (Texto e fotos: Adriana Spinelli)

Visualizações: