Desempenho do TRT-MG no e-Gestão Lance Certo é reconhecido pela Corregedoria Geral do Trabalho

publicado 26/11/2014 16:39, modificado 26/11/2014 18:39

A Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho, no ensejo da comemoração de seus 60 anos, entregou nesta quarta-feira (26/11) à presidente do Tribunal Regional do Trabalho de Minas Gerais, desembargadora Maria Laura Franco Lima de Faria, uma placa de homenagem à participação do Comitê Nacional e Comitês Regionais do Sistema e-Gestão, e em reconhecimento do empenho e dedicação destes no desenvolvimento com êxito da campanha Lance Certo. A placa, datada desta quarta-feira (26/11)), é subscrita pelo Ministro Brito Pereira, Corregedor-Geral da Justiça do Trabalho.

Desempenho do TRT-MG no e-Gestão Lance Certo é reconhecido pela Corregedoria Geral do Trabalho (imagem 1)
Servidoras Nadja Maria Prates Públio e Telma Lúcia Bretz Pereira, e desembargadora Maria Laura Franco Lima de Faria

No ato de homenagem, acompanhavam a Presidente Maria Laura a Diretora Judiciária do TRT da 3ª Região, Telma Lúcia Bretz Pereira, e a Diretora do DSPJe, Nadja Maria Prates Públio. A entrega da placa foi feita pela desembargadora auxiliar da Presidência do TST Ana Paula Pellegrina Lockmann, Coordenadora Nacional do PJe-JT, e pela juíza auxiliar da Presidência do TST Gisela Ávila Lutz, integrante da Coordenadoria Nacional do PJe-JT.

A campanha e-Gestão Lance Certo foi lançada em 23 de maio deste ano pelo corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro João Batista Brito Pereira, durante a reunião do Colégio de Presidentes e Corregedores da Justiça do Trabalho (Coleprecor). O objetivo da campanha, de acordo como o Corregedor, é "a busca de melhor qualidade dos dados fornecidos pelos Tribunais Regionais do Trabalho".

O ministro Brito Pereira explicou ainda na ocasião aos presidentes e corregedores dos TRTs presentes no encontro, que o e-Gestão é o gerenciador dos dados da Justiça do Trabalho. "É com base nestes dados que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) trabalha para conhecer a instituição, examina nossos pleitos e planeja as ações estratégicas, tal como nós fazemos com o nosso planejamento".

Desempenho do TRT-MG no e-Gestão Lance Certo é reconhecido pela Corregedoria Geral do Trabalho (imagem 2)
Juíza Gisela Ávila Lutz, servidora Nadja Maria Prates Públio e desembargadora Ana Paula Pellegrina Lockmann

"Queremos compartilhar com os Tribunais Regionais - afirmou à época o Corregedor Geral - o gerenciamento da nossa estatística, porque é no primeiro e no segundo graus onde se registram os dados mais significativos do ponto de vista numérico", afirmou ainda o ministro. "Posso adiantar que nossa agenda contempla para breve ferramentas que possibilitarão ao usuário corrigir as inconsistências, na origem, isto é, antes de disponibilizar esses dados para o TST, se 'refinar' esses dados". (ACS / TRT-MG com TST / Augusto Fontenele)

Visualizações: