Exposição Trabalho & Cidadania será inaugurada dia 15, após sessão solene em comemoração aos 70 anos da CLT

publicado 14/05/2013 14:27, modificado 14/05/2013 17:27
Exposição Trabalho & Cidadania será inaugurada dia 15, após sessão solene em comemoração aos 70 anos da CLT (imagem 1)

Nesta quarta-feira, dia 15 de maio, será inaugurada no andar térreo do TRT da 3ª Região a Exposição Trabalho & Cidadania, organizada pelo Centro de Memória da Justiça do Trabalho de Minas. A exposição será inaugurada pelo presidente do Tribunal Superior do Trabalho - TST, ministro Carlos Alberto Reis de Paula, e pela desembargadora Deoclecia Amorelli Dias, presidente do Regional, logo após a sessão solene em comemoração dos 70 anos de promulgação da CLT que acontecerá às 15 horas, no plenário da casa, localizado na Av. Getúlio Vargas, 225 - Bairro Funcionários.

A Exposição Trabalho & Cidadania, que irá substituir a antiga exposição Memória da Justiça do Trabalho, que funcionava no mesmo local, agora totalmente reformado, foi planejada de acordo com os atuais conceitos da museologia, empregando recursos tecnológicos, fotos, mobiliário, áudios, vídeos, pinturas, músicas, obras literárias, documentos e objetos que retratam o trabalho em sua diversidade de formas e significados. Buscou, desta forma, atingir seu objetivo principal, que é transmitir a importância do papel que a justiça do trabalho exerce na regulação das forças empreendidas na relação capital x trabalho.

O conteúdo da exposição remonta à concepção do trabalho para índios, portugueses e africanos - formadores da nação brasileira - para, a partir do ano de 1500, apresentar a configuração do trabalho ao longo da história do país. Essa representação tem como eixo os temas da ética e da distribuição de direitos e deveres entre os cidadãos. Pretende-se, assim, refletir em que medida uma sociedade de formação escravista, em que o trabalho teve pouca consideração social, tem conseguido transformá-lo em um instrumento de inclusão e cidadania. São poucos os museus que discutem as relações de trabalho no Brasil.

A exposição irá alavancar ainda mais o programa Justiça e Cidadania, criado em agosto de 1999, e que trouxe para dentro do Tribunal mais de 15.000 alunos das redes pública e privadas, do ensino fundamental, médio e Universitário ao EJA - Educação de Jovens e Adultos. O Justiça e Cidadania se instituiu como ação educativa de reconhecido sucesso da antiga exposição Memória da Justiça do Trabalho.

O programa prevê o recebimento de alunos para uma visita monitorada à exposição. Após, os estudantes participam, como partes, de uma audiência trabalhista simulada conduzida por um magistrado. Complementado as atividades, os alunos são encaminhados ao plenário onde assistem ao julgamento de uma das turmas do TRT da 3ª região.

Devido ao grau de importância do Justiça e Cidadania, que para sua efetividade envolve ações de magistrados, servidores, associações corporativas, de escolas da capital e do interior do estado, foi decidida a sua inserção no painel de contribuição da Escola Judicial para o planejamento estratégico do TRT da 3ª região, além de cumprir, por sua natureza social e informativa, a meta 4 de 2011 do Conselho Nacional de Justiça - CNJ.

Visualizações: