Gestor regional do Trabalho Seguro leva programa às escolas

publicado 28/04/2014 12:16, modificado 28/04/2014 15:16
Gestor regional do Trabalho Seguro leva programa às escolas (imagem 1)

Estudantes de 9ª série da Escola Municipal Carmelita Carvalho Garcia, em Ibirité, assistiram na manhã desta segunda-feira (28) à palestra ministrada pelo desembargador Anemar Amaral, gestor regional do Programa Trabalho Seguro do Tribunal Superior do Trabalho. A data da atividade coincide com o Dia Mundial da Segurança e da Saúde no Trabalho.

A apresentação, no auditório da escola, citou dados sobre acidentes de trabalho no país, discorreu sobre os prejuízos causados devido às ocorrências - principalmente o sofrimento causado - e apontou as principais causas do problema. Números de 2011 indicam que esse ano teve mais de 711 mil acidentes de trabalho. De acordo com o palestrante, essas situações sempre podem ser evitadas. O magistrado também falou sobre o papel do profissional que atua como técnico em segurança do trabalho e das Comissões Internas de Prevenção de Acidentes (CIPA´s), que devem cobrar das empresas condições e ambientes adequados à saúde e à segurança do trabalhador. Por meio de fotos, foram mostradas diversas situações de risco no trabalho. O objetivo principal foi incentivar uma nova consciência focada na prevenção.

Entre os cento e dez alunos que assistiram à palestra, Jéssica Mayara, de 14 anos, falou da importância do evento, que lhe trouxe conhecimento para prevenir acidentes quando começar a trabalhar. Ela disse já ter abordado o assunto com a mãe, que é costureira, profissão que considera perigosa por causa do manuseio da máquina. A estudante diz, porém, que a mãe dela se cuida bastante no trabalho e que está mais preocupada com a situação do pai - mestre de obras - que, na sua opinião, não é tão precavido. "A partir de agora, vou falar para ele se cuidar", diz ela.

O desembargador Anemar Amaral destacou o papel do programa ao avaliar que a prevenção decorre de informação. De acordo com as suas palavras, essas atividades levam à sociedade o conhecimento do problema e conscientizam sobre a necessidade de prevenir. Além de mostrar conhecimentos que existem hoje sobre segurança, as palestras também servem para deixar claro que o trabalhador é o maior interessado no tema.

Gestor regional do Trabalho Seguro leva programa às escolas (imagem 2)

Para o diretor da instituição de ensino, Cláudio Aparecido dos Reis, a escola é o ambiente fértil para plantar esse tipo de sementes. Um dos pontos positivos apresentados por ele é que o evento mostrou para os alunos o papel do juiz e do desembargador. O representante da escola acredita que há um processo de aproximação entre a comunidade e o poder judiciário, assim como com os outros poderes, que deve ser intensificado com mais iniciativas desse tipo.

O ciclo de palestras sobre o assunto tem continuidade nesta terça-feira (29), com apresentação ás 14h30 na Casa de Cultura Maestro Dungas, de Itabirito, e na quarta (30) ás 19h na Escola de Formação Técnica, de Nova Lima. (Texto: David Landau / Fotos: Madson Morais)

Visualizações:

Seção de Imprensa imprensa [arroba] trt3.jus.br