Laboratório de Atividades Judiciais recebe duas turmas de alunos da PUC

publicado 07/03/2017 14:26, modificado 07/03/2017 17:26
Laboratório de Atividades Judiciais recebe duas turmas de alunos da PUC (imagem 1)
Foto: Leonardo Andrade

Em mais duas edições do Laboratório de Atividades Judiciais, com uma turma cada, nestas segunda (6) e terça-feira (7), 90 alunos do 6º período da Faculdade de Direito da PUC-Minas tiveram contato com processos do arquivo histórico do TRT-MG. São autos de ações trabalhistas a partir de 1936.

Os alunos foram recebidos no Centro de Memória, localizado na sede histórica do Tribunal (Rua Curitiba, 835 - Belo Horizonte/MG), entre 8h30 e 10h30.

Os processos pesquisados relatam parte da história do trabalho em Minas Gerais. O acervo inclui, por exemplo, processos da Vara do Trabalho de Nova Lima que revelam situação precária de trabalho e o adoecimento de mineiros do município.

A estudante Thayná Martins Silva relatou que a visita ao Tribunal foi enriquecedora tanto no aspecto histórico como no jurídico. "Experiências como essa nos fazem partilhar de momentos únicos com os colegas, com o professor e com o conteúdo ministrado em sala, ampliando nossa vivência com o direito", disse a acadêmica, que manifestou o desejo de que outros estudantes também possam ter essa oportunidade.

Para o professor responsável pela atividade, o desembargador aposentado do TRT-MG Paulo Roberto Sifuentes Costa, "a visita ao Laboratório de Atividades Judiciais do Centro de Memória gera uma oportunidade ímpar, para os acadêmicos de direito, de integração com o ambiente que mais tarde vai lhes proporcionar o exercício profissional". Segundo ele, a atividade "estimula os alunos a cultuar os valores do mundo do trabalho e a preservar a memória do Judiciário Trabalhista, assim se apegam e ajudam a propagar a idéia de sua relevância no cenário jurídico nacional". (David Landau)

Veja galeria de fotos

Visualizações: