Posse marca o ingresso de 25 servidores aos quadros do TRT

publicado 19/12/2016 14:04, modificado 19/12/2016 16:04
Posse marca o ingresso de 25 servidores aos quadros do TRT (imagem 1)

Vinte e cinco nomeados no último concurso se tornaram servidores do TRT-3 nesta segunda-feira (19). O ato de posse, coordenado pelo diretor-geral Ricardo Oliveira Marques, que estava acompanhado da diretora de gestão de pessoas Maria Cristina Gonçalves Discacciati, ocorreu às 14h no Plenário do 8º andar do edifício sede do Tribunal.

Entre os novos integrantes do quadro de servidores da instituição, há 15 detentores do cargo de técnico judiciário da área administrativa, uma técnica judiciária da área de contabilidade e nove novos analistas judiciários - destes, dois são da área judiciária, dois da área administrativa, dois oficiais de justiça e três vinculados a especialidades (uma de contabilidade, uma de biblioteconomia e um de tecnologia da informação). Um dos nomeados, o agora analista da área administrativa Armando Lopes Pinto, já era servidor da casa.

O evento iniciou com a leitura do Termo de Compromisso por parte dos que estavam tomando posse. Na sequência, o diretor-geral leu o texto genérico do Termo de Posse e chamou cada um dos novos servidores para assinarem os referidos documentos, que formalizam a investidura no cargo público. No momento da assinatura, todos receberam aplausos.

Enquanto chamava os novos servidores do Tribunal, Ricardo Marques, num tom informal, foi fazendo apreciações sobre o Tribunal, o ambiente de trabalho, as dificuldades vividas ao longo deste ano pela instituição e as vantagens do concurso regionalizado (com inscrições por sub-região), entre outros assuntos de interesse dos recém nomeados. Ele também elogiou o mérito daqueles que passaram no concurso, comentando o grau de dificuldade enfrentado atualmente para alcançar essa conquista, e manifestou o desejo de uma boa carreira para todos dentro da instituição. A diretora de gestão de pessoas também parabenizou e desejou boas vindas a todos.

Posse marca o ingresso de 25 servidores aos quadros do TRT (imagem 2)
Priscila Bueno de Souza e Rosimayre das Graças Moreira

Priscila Bueno de Souza, analista judiciária da especialidade de biblioteconomia, está contente por trabalhar na sua área, poder contribuir com a missão do Tribunal e, também, com a da sua profissão. Rosimayre das Graças Moreira era servidora da UFMG e, ao assumir como técnica judiciária de contabilidade no Tribunal, espera viver várias mudanças, com a expectativa de que trabalhar no Judiciário seja melhor do que no Executivo. (Texto: David Landau / Fotos: Leonardo Andrade)

Visualizações: