Gestores da Justiça Trabalhista mineira discutem questões socioambientais em Brasília

publicado 17/08/2017 16:14, modificado 21/10/2018 10:54

reunioDG2site.jpg

O Diretor de Administração do TRT-MG e presidente da Comissão Permanente de Responsabilidade Socioambiental, Cristiano Barros Reis, junto com a gestora da Seção de Gestão Socioambiental, Ludmilla Mendes, participaram da reunião ordinária da Coordenação dos Diretores Gerais da Justiça do Trabalho, na sede do Tribunal Superior do Trabalho, em Brasília.

O evento, que ocorreu na última semana, abordou predominantemente o tema socioambiental. Dirigentes e servidores da área socioambiental foram convidados para o evento. Ludmilla Mendes palestrou na reunião sobre a recém-publicada Política de Responsabilidade Socioambiental, uma vez que este Regional foi pioneiro na publicação do documento. 

Durante o encontro foi discutida a implementação de ações de sustentabilidade nos TRTs, a governança nas políticas e construções sustentáveis, a implantação da Política Nacional de Responsabilidade Socioambiental da Justiça do Trabalho, a gestão de resíduos, a sustentabilidade nas aquisições e o consumo sustentável.

Também foram apresentadas propostas de ações de sustentabilidade a serem implementadas nos Tribunais Regionais do Trabalho. Ainda ocorreu uma oficina de trabalho específica para os gestores da área de responsabilidade socioambiental.

Após a exposição da temática aos Diretores Gerais presentes, os gestores socioambientais se reuniram em separado para debater e elaborar uma Carta de Intenções aos DGs, com o objetivo de concentrar esforços para avançar nas ações sustentáveis de todos os TRTs do país e do Tribunal Superior do Trabalho, com o apoio do Conselho Superior da Justiça do Trabalho.

Propostas

Durante o evento várias propostas foram aprovadas pelos diretores gerais, como:

- A retomada do Fórum Permanente de Contratações Sustentáveis da Justiça do Trabalho;

- Reativação do Comitê Gestor Nacional da Política de Responsabilidade Socioambiental da Justiça do Trabalho;

- Realização do II Encontro Nacional de Responsabilidade Socioambiental, em novembro deste ano, a ser sediado pelo TRT da 4ª Região;

- Inserção do Plano de Logística Sustentável no Planejamento Estratégico dos TRTs, do TST e do CSJT;

- Apresentação dos Planos Anuais de Contratações dos TRTs e do TST, especificando os itens com requisitos de sustentabilidade, a serem adquiridos em consonância com o correspondente PLS;

- Elaboração do Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos, visando à correta destinação dos resíduos gerados pelo funcionamento dos Órgãos da Justiça do Trabalho;

- Apresentação de proposição ao CSJT, para definição de um Sistema Nacional Unificado para acompanhamento dos indicadores e avaliação de desempenho do PLS dos TRTs e do TST.

Visualizações:

Seção de Imprensa imprensa [arroba] trt3.jus.br