Você está aqui: Início / Notícias / Comunicação / Notícias Institucionais / TRT-MG lança campanha contra assédio moral no trabalho

TRT-MG lança campanha contra assédio moral no trabalho

publicado 21/10/2021 17:16, modificado 21/10/2021 17:16

O Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região (TRT-MG) acaba de lançar, nesta semana, nas redes sociais e nos veículos internos de comunicação do Tribunal, a campanha “Assédio Moral não faz parte do trabalho”. 

Coordenada pelo Comitê de Ética e Integridade do Tribunal, o foco é utilizar a teoria da Comunicação Não-Violenta para abordar a prevenção do assédio moral e usar a boa comunicação no desenvolvimento do autoconhecimento e da escuta empática, colocando-se no lugar do outro. 

Nas peças de divulgação serão utilizados comportamentos e falas de gestores e colegas de trabalho que podem indicar uma agressividade, ou mesmo sinalizar a existência de assédio moral, fazendo todos pensarem pela própria perspectiva e, num exercício de empatia, a partir da perspectiva do outro.

O que fazer ao presenciar?

Como forma de estimular as denúncias, saiba como proceder ao ser vítima ou presenciar casos de assédio moral, tanto na inciativa privada quanto no serviço público.  

Na iniciativa privada

Vítimas:

- Devem reunir provas do assédio. Anotar, com detalhes, todas as situações de assédio sofridas com data, hora e local, e listar os nomes dos que testemunharam os fatos;

- Buscar ajuda dos colegas, principalmente daqueles que testemunharam o fato ou que já passaram pela mesma situação;

- Buscar orientação psicológica sobre como se comportar para enfrentar tais situações;

- Comunicar a situação ao setor responsável, ao superior hierárquico do assediador ou à Ouvidoria;

- Caso não tenha sucesso na denúncia, procurar o sindicato profissional ou o órgão representativo de classe ou a associação; e

- Avaliar a possibilidade de ingressar com ação judicial de reparação de danos morais.

Colegas de trabalho:

- Oferecer apoio à vítima;

- Disponibilizar-se como testemunha; e

- Comunicar ao setor responsável, ao superior hierárquico do assediador ou à entidade de classe situações de assédio moral que presenciou.

No serviço público

Qualquer agente público que se sinta vítima ou testemunhe atos que possam configurar assédio moral no ambiente de trabalho pode fazer denúncia para a Ouvidoria do TRT-MG pelo email ouvidoria@trt3.jus.br ou pelos telefones (31) 3228-7190/7192 e 0800-039-5528. 

Visualizações:

Pesquisar

Pesquisa de notícias.

/ /  
/ /