Você está aqui: Início / Notícias / Comunicação / Auditoria do CSJT elogia e recomenda projetos do TRT-MG que buscam melhorar uso e ocupação de imóveis

Auditoria do CSJT elogia e recomenda projetos do TRT-MG que buscam melhorar uso e ocupação de imóveis

publicado 16/07/2021 16:02, modificado 16/07/2021 18:42

O relatório final da auditoria realizada pela Secretaria de Auditoria (SECAUD) do Conselho Superior da Justiça do Trabalho-CSJT, sobre os trabalhos desenvolvidos pelo TRT no sentido de otimizar a ocupação dos imóveis em sua posse, teceu elogios às iniciativas deste 3º Regional, considerando-as “inovadoras” e “promissoras” para a racionalização dos espaços ocupados, “demonstrando amparo em critérios técnicos e nos princípios norteadores da administração pública de eficiência e economicidade”.

Entre os projetos do Regional mineiro citados no relatório estão a mudança da sede das varas da capital, a devolução de imóveis alugados com a realocação de unidades em imóveis de propriedade da União e o compartilhamento de áreas com a Receita Federal do Brasil. Essas iniciativas envolveram 15 cidades e refletirão em uma diminuição percentual de aproximadamente 17% sobre a área ocupada por toda a estrutura do TRT-MG, o que terá como principal resultado a economia de recursos públicos.

Ao final, o relatório da Secaud propõe a instituição de um grupo de trabalho nacional, com o objetivo de promover estudos para a otimização do uso dos espaços em todos os Tribunais que compõem a Justiça do Trabalho, apontando a experiência mineira como paradigma para a construção de critérios e diretrizes para a ocupação dos imóveis de toda a Justiça do Trabalho. 

 

Visualizações: