Juízes concluem curso de formação inicial

publicado 29/01/2010 10:48, modificado 29/01/2010 12:48

Os 15 novos juízes do trabalho substitutos, que tomaram posse na 3ª Região em setembro de 2009, concluíram a primeira etapa da formação inicial na Escola Judicial do TRT-MG, e iniciam, a partir da próxima semana, a prática da jurisdição. O encerramento oficial do VII Curso de Formação Inicial foi nesta sexta-feira, 29, na sede da Escola em BH e contou com a presença dos desembargadores Eduardo Augusto Lobato, presidente do TRT-MG, e César Pereira da Silva Machado Júnior, diretor da Escola Judicial; dos juízes João Bosco Barcelos Coura, presidente da Amatra3; Vitor Salino de Moura Eça e Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto, conselheiros da Escola.

O desembargador Eduardo Lobato, ao abrir a solenidade, ressaltou que, após serem aprovados em um dos mais difíceis concursos para o cargo de juiz do trabalho substituto, os juízes passaram pela formação na Enamat, Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados do Trabalho, e pela Escola da 3ª Região, uma das melhores do poder Judiciário do País, fatores que reforçam a expectativa da sociedade e do Tribunal sobre a atuação deles. O presidente destacou que proferindo decisões justas, equilibradas, concisas e objetivas, fundamentais para a celeridade, uma tradicão do TRT-MG, todos serão reconhecidos pelas virtudes, pela conduta própria de quem tem obrigação de representar a instituição e serão bem sucedidos, felizes, na carreira.

O desembargador César Pereira da silva Machado Júnior saudou os formandos e agradeceu o trabalho do desembargador Luiz Otávio Linhares Renault, ex-diretor da Escola, da juíza Graça Maria Borges de Freitas, que atuou como coordenadora acadêmica durante a realização do curso e de todos os juízes formadores que atuaram no VII CFI.

O juiz João Bosco Coura desejou felicidades e sucesso na carreira dos novos juízes e colocou a Amatra 3 à disposição de todos.

O juiz do trabalho substituto Fábio Ribeiro da Rocha falou em nome dos formandos e considerou que o TRT-MG é extremamente acolhedor e a Escola Judicial, que se destaca entre as demais no país pela qualidade da formação, foi, para a nova turma de magistrados, um exemplo na preparação para a prática da jurisdição. Ele também agradeceu aos juízes formadores pela dedicação e paciência. (Lucineide Pimentel)

Juízes concluem curso de formação inicial (imagem 1)
Desembargadores Eduardo Augusto Lobato e César Pereira da Silva Machado Júnior; juízes João Bosco Barcelos Coura, Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto e Vitor Salino de Moura Eça; o secretário-geral da presidência, Demósthenes Silva e os novos juízes do trabalho (Foto: Walter sales)

Visualizações: