Parceria entre TRT e Feneis marca comemoração do Dia Nacional dos Surdos

publicado 25/09/2012 14:00, modificado 25/09/2012 17:00

"Do ponto de vista do TRT, cumpre ele importante função social na medida em que, por intermédio da Feneis, viabiliza a inserção dos portadores de deficiência auditiva no mundo do trabalho, oferecendo-lhes oportunidades, com a garantia de todos os direitos correspondentes". Assim manifestou-se a juíza diretora do Foro da Justiça do Trabalho de Belo Horizonte, Maria Cecília Alves Pinto, na manhã desta terça-feira, na solenidade em homenagem ao Dia Nacional dos Surdos e aos seis anos de parceria entre a Justiça do Trabalho de Minas e a Feneis - Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos.

Presente à homenagem, a presidente do TRT-MG, desembargadora Deoclecia Amorelli Dias, destacou: "Um ano já se passou desde o nosso último encontro. Nesse período, registrou-se mais um capítulo na história de luta da comunidade surda por espaço e reconhecimento dos direitos que lhe são inerentes. Nos últimos 365 dias, perspectivas foram alteradas, novas metas traçadas e muitos sonhos realizados".

A desembargadora Deoclecia Amorelli Dias lembrou que, em 2006, cumprindo sua missão institucional de promover a inclusão social, o Tribunal firmou o primeiro convênio com a Feneis para a contratação de 40 surdos. "Consciente de que todas as pessoas têm suas necessidades peculiares, este Tribunal é um dos parceiros no empenho pela ampliação da integração do surdo ao meio social em que vive", disse ela, afirmando ainda que, mesmo diante do aumento considerável do número de pessoas beneficiadas pelo convênio de lá para cá, há muito que se fazer e conquistar. "Apenas para traçar um parâmetro do sucesso dessa parceria, cabe registrar que, no ano passado, foram contratadas 151 pessoas e, a partir de 1º de setembro deste ano, atingimos a marca de 226 jovens, que também trabalham em varas do interior do estado".

Parceria entre TRT e Feneis marca comemoração do Dia Nacional dos Surdos (imagem 1)
Fotos: Leonardo Andrade

A presidente Deoclecia Amorelli Dias agradeceu a parceria com a Feneis e ressaltou o quanto a Federação é importante para a educação e a integração do surdo na sociedade. "Digno de nota também é o fato de que, no último dia 17 de setembro, este Regional reconheceu publicamente a importância da Feneis ao agraciar a entidade com a Medalha da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho Desembargador Ari Rocha, no Grau Insígnia, que homenageia aqueles que contribuem para a paz social e o engrandecimento da instituição judiciária do trabalho em todos os níveis de atuação".

Durante o evento, a coordenadora intérprete da Feneis na capital mineira, Lúcia Malta, apresentou um vídeo com trabalhadores surdos que atuam nas Varas do Trabalho de Coronel Fabriciano e Governador Valadares. Os funcionários apresentaram seus sinais, mostraram seus locais de trabalho e agradeceram as habilidades do TRT na interação com a Feneis.

Acompanhados pelo mediador da Língua Brasileira de Sinais Wildmark Ferreira, da PUC-Minas, os servidores Tamires Silveira e Idailton José agradeceram a oportunidade que receberam por meio da parceria. "Este é o meu primeiro emprego e aqui aprendi a desenvolver meu trabalho e a me relacionar com as pessoas", disse Idailton. Ressaltando também que este é seu primeiro emprego, Tamires elogiou o ambiente de trabalho do Tribunal. "Aqui eu consegui ajuda de todo mundo e as pessoas contribuem, não só para o meu desempenho profissional, mas também para meu crescimento pessoal".

Também participaram do evento, o desembargador Luiz Otávio Linhares Renault, 2º vice-presidente, ouvidor e diretor da Escola Judicial do TRT; o diretor da Secretaria de Coordenação Administrativa, Carlos Athayde Valadares Viégas, e o assessor da Ouvidoria do TRT, Lucas Fernandes Viana. (Márcia Barroso)

Visualizações: