Presidente Deoclecia Amorelli Dias visita VT de Itaúna, que receberá o PJe em novembro

publicado 20/09/2012 17:19, modificado 20/09/2012 20:19

No dia 14 de novembro, a VT de Itaúna será a terceira Vara do Trabalho do estado a receber o Processo Judicial Eletrônico - PJe, informou na tarde desta quinta-feira, dia 20, a presidente do TRT da 3ª Região, desembargadora Deoclecia Amorelli Dias, que visitou as dependências do fórum trabalhista local. Acompanharam a presidente o desembargador Ricardo Antônio Mohallem, o juiz substituto Fabiano de Abreu Pfeilsticker, ambos membros do Comitê Gestor Regional do Processo Judicial eletrônico, o desembargador Fernando Luiz Gonçalves Rios Neto e o juiz auxiliar da Presidência, Orlando Tadeu de Alcântara.

Presidente Deoclecia Amorelli Dias visita VT de Itaúna, que receberá o PJe em novembro (imagem 1)

Falando para uma equipe motivada com a implantação do PJe, a presidente garantiu, durante reunião realizada na própria Vara, que todos os servidores passarão por treinamentos e estarão capacitados para o trabalho com a ferramenta.

Oneida Nogueira Moreira, uma das servidoras mais antigas de Itaúna, vê o processo eletrônico como uma oportunidade de evolução. "Quando comecei, trabalhava com máquina de escrever. Então, a implantação do PJe é uma oportunidade de avançar que eu não quero perder. Temos que acompanhar as transformações, por isso esse momento é importante".

O juiz titular da VT de Itaúna, Walmir Inácio Vieira, afirmou que vem trabalhando para promover a integração dos servidores com o PJe, "para que se adaptem da melhor maneira possível". Já o presidente da 34ª Subseção da OAB, Pedro Vargas, afirmou que a novidade vai se traduzir em ganho para os advogados: "com certeza o sistema vai trazer uma melhoria na prestação dos serviços à comunidade".

Em dezembro, o PJe será implantado nos foros de Betim e Contagem, bem como na Segunda Instância do TRT, compreendendo aí todas as seções e turmas recursais. Com esse cronograma, o TRT vai cumprir a meta para o ano de 2012 estabelecida pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho - CSJT que determina a implantação do sistema em 10% das varas de cada regional.

Também presentes à visita o secretário-geral da presidência, Eliel Negromonte Filho, a diretora judiciária, Sandra Pimentel Mendes e o diretor de informática, Gilberto Atman Picardi Faria. (Texto Solange Kierulff/Fotos Madson Morais)

Visualizações: