Singespa recebe novos juizes do trabalho substitutos

publicado 04/09/2012 13:30, modificado 04/09/2012 16:30

Acompanhados pela juíza Graça Maria Borges de Freitas, titular da VT de Ouro Preto e coordenadora acadêmica da Escola Judicial, os novos juizes do trabalho substitutos do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª visitaram na tarde desta terça-feira, o Singespa - Sistema Integrado de Gestão Judiciária e de Participação da Primeira Instância na Administração do TRT da 3ª Região.

Desembargador do Rio quer replicar modelo do Singespa na 1ª Região (imagem 1)
Foto: Márcia Barroso

Os juizes Marcos Ulhoa Dani, Rachel Freire de Abreu Neta, Anderson Rico Moraes Nery, Ricardo Machado Lourenço Filho, André Barbieri Aidar, Daniela Mori, Raphael Jacob Brolio, Alexandre Gonçalves de Toledo, Ricardo Luis Oliveira Tupy e Lenicio Lemos Pimentel foram recebidos pelo juiz Cléber Lúcio de Almeida, titular da 21ª VT de Belo Horizonte e coordenador-geral do Singespa, que explicou aos novos magistrados o papel desempenhado pela sigla na gestão judiciária e na administração da Justiça do Trabalho de Minas Gerais.

Na oportunidade os novos juizes foram informados sobre o 3º Encontro Anual do Singespa, marcado para os próximos dias 13 e 14 de setembro, quando serão debatidos temas previamente estabelecidos pelos coordenadores regionais, dentre os quais acesso à justiça, efetividade da execução, prevenção e tratamento de litígios de massa, estrutura material e de pessoal das unidades judiciárias e gestão de pauta.

De acordo com o coordenador, o encontro dará ênfase à análise crítica das Diretrizes de Ação aprovadas nos encontros anuais anteriores, "visando à participação dos juízes de Primeira Instância na formulação do Planejamento Estratégico do TRT da 3ª Região e na definição de estratégias que contribuam para facilitação ao acesso à ordem jurídica justa e efetiva". (Márcia Barroso)

Visualizações: