Você está aqui: Início / Notícias / Comunicação / Notícias Institucionais / Importadas - 2011 a 2012 / TRT inaugura PJe em Nova Lima

TRT inaugura PJe em Nova Lima

publicado 05/09/2012 12:07, modificado 05/09/2012 15:07
TRT inaugura PJe em Nova Lima (imagem 1)
Desembargador Luiz Otávio Renault e juiz Lucas Vanucci Lins - (Foto: Brazza)

Com a implantação do Processo Judicial Eletrônico da Justiça do Trabalho - PJe-JT, a partir de hoje, dia 5, a Vara do Trabalho de Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, começa a deixar o uso do papel. Durante a solenidade de implantação do sistema, o advogado Leo Alves de Assis, presidente da OAB-Subseção de Nova Lima, protocolou a primeira reclamação trabalhista e o processo foi imediatamente distribuído sob o número 10.000. Leo Alves de Assis lembrou que os advogados poderão fazer tudo no escritório ou em casa, desde que tenham a certificação digital, o acesso à Internet, porque terão agora uma ferramenta muito prática. "A grande vantagem do PJe é a praticidade e vai facilitar a vida do advogado que não precisará ir à VT, podendo entrar com uma ação onde ele estiver, por meio da internet", disse o advogado.

O Juiz Ézio Martins Cabral Júnior considera que não haverá dificuldades por parte dos usuários. "Fizemos a capacitação dos advogados que atuam em nova lima e sentimos uma excelente aceitação e os servidores estão entusiasmados com o novo sistema. No início pode ter alguma estranheza mas passando a fase de adaptação todos vão se acostumar porque o sistema é de fácil manuseio e apresenta, durante a utilização, todos os mecanismos de auxílio ao usuário e fornece o passo a passo para todos os procedimentos", informou.

Satisfeito com o resultado da implantação do sistema em Nova Lima, o juiz substituto Fabiano de Abreu Pfeilsticker, do Comitê Gestor Regional do PJe, disse que daqui pra frente tudo ficará mais fácil. "A expectativa é que, com o sucesso da implantação aqui, na VT de Nova Lima, o trabalho nas outras unidades será bem sucedido também, e a previsão é que até 19 de dezembro o sistema seja implantado em 14 varas e até meados do próximo ano vamos estender o PJe para 77% das 103 varas, e pela sequencia do cronograma, no final de 2013 o sistema tenha sido implantado na sua totalidade", afirmou.

Representando a presidente do TRT/MG, desembargadora Deoclecia Amorelli Dias, o desembargador Luiz Otávio Linhares Renault, 2º vice presidente do TRT/MG, disse que é um grande passo para a total independência do Judiciário. "Traçando um paralelo com o 7 de setembro, considero que este é um momento histórico para o Tribunal, como o próximo dia 7 de setembro, porque é de certa forma a independência do Judiciário Trabalhista, uma vez que o PJe trará economia, celeridade e muitos outros benefícios para a sociedade".

TRT inaugura PJe em Nova Lima (imagem 2)
Ézio Martins Cabral Júnior, Fabiano de Abreu Pfeilsticker, Luiz Otávio Otávio Renault, Lucas Vanucci Lins e Leo Alves de Assis
(Foto: Brazza)

Criada em dezembro de 1992, a VT de Nova Lima registrava uma média de 2.500 processos por ano, mas segundo o juiz titular Lucas Vanucci Lins o movimento vem aumentando a cada ano. "Este ano, até ontem, foram recebidos 3.086 processos, no ano passado foram 3.000 e a previsão é fechar o ano com 3.800 aproximadamente". De acordo com o juiz, todas as ações distribuidas a partir de agora serão feitas por meio eletrônico, mas os processos de papel que já estão tramitando continuam na forma antiga. "A vara passa por uma mudança de rotina e vai funcionar, por enquanto, com os dois tipos de procedimentos. Os processos que já estão tramitando continuam no meio físico, no papel, e os novos, distribuídos a partir de hoje passam a tramitar eletronicamente e com o passar do tempo haverá a extinção total do papel. A previsão é que isso ocorra até meados do ano que vem". (De Nova Lima, Márcia Barroso)

Visualizações:

Pesquisar

Pesquisa de notícias.

/ /  
/ /