Iturama inaugura nova sede da Justiça do Trabalho

publicado 24/07/2014 17:06, modificado 24/07/2014 20:06
Iturama inaugura nova sede da Justiça do Trabalho (imagem 1)

Com a tradicional cerimônia do corte da fita e a presença de diversas autoridades da região, a presidente do TRT-MG, desembargadora Maria Laura Franco Lima de Faria, inaugurou, na tarde desta quinta-feira (24), as novas instalações da Vara do Trabalho de Iturama. A sede agora está localizada na Av. Belo Horizonte, 1544, em região central da cidade, facilitando o acesso para advogados e população, garantindo maior proximidade de serviços bancários e de alimentação para os servidores.

Para acompanhá-la no corte da fita inaugural, no hall da nova sede, a principal autoridade da Corte mineira convidou o prefeito do município, Cláudio Tomás de Freitas; o titular da Vara do Trabalho local, juiz Alexandre Chibante Martins; e o diretor-geral do Tribunal, Ricardo Oliveira Marques. Na sequência, as quatro personalidades procederam ao descerramento da placa que deixa registrado o momento.

A presidente do TRT-MG, desembargadora Maria Laura Franco Lima de Faria, falou de uma curiosa coincidência. Embora ela tenha ressaltado que a comparação é "absolutamente simbólica e as situações desproporcionais", fez uma analogia entre o fato de Iturama ter sido a primeira visita - em sua Administração - a uma Vara no interior do estado, e o de ter sido, também, o primeiro município do Triangulo Mineiro visitado na gestão do então governador Juscelino Kubitschek. Depois de visitar a região, o então governador, que depois se consagrou presidente, implementou medidas estratégicas que impulsionaram a economia local, de acordo com as palavras da desembargadora. Citando o desenvolvimento vivido pelo município, que hoje conta com universidade federal, usina hidrelétrica, usina produtora de álcool, frigorífico e usina de biodiesel, a presidente afirmou que "em face dessa visão de futuro, a Justiça do Trabalho de Minas Gerais também não poderia faltar com o seu concurso". Nesse sentido, a instalação em novo endereço é concebida como uma forma de fazer "jus às necessidades do crescimento da cidade e da região em torno" e de assegurar maior conforto para os servidores e jurisdicionados.

Ao final da sua fala, a desembargadora reafirmou compromisso em construir sede própria em terreno já doado pelo município que, segundo suas palavras, "estará mais à altura do que merecem os jurisdicionados de Iturama" e resultará de parceria entre o TRT e os Poderes Executivo e Legislativo locais. A presidente da Subseção da OAB em Iturama, Vanessa Cristina Tomaz de Freitas, também destacou o interesse da entidade em garantir que a Justiça esteja próxima da sociedade e a necessidade de boas instalações para um ambiente propício à execução do papel da instituição.

Iturama inaugura nova sede da Justiça do Trabalho (imagem 2)

Além da presidente, todas as falas proferidas durante a cerimônia deram destaque especial ao papel que o juiz titular local, Alexandre Chibante Martins, vem desempenhando ao beneficiar diversos serviços públicos da região, e ressaltaram que a inauguração da nova sede é resultado do empenho do magistrado, em conjunto com a Administração do TRT e do município.

Ao agradecer às personalidades, o juiz titular da Vara, Alexandre Chibante Martins, se deteve em descrever o papel e a importância de cada uma delas para a região e exaltou a presença da presidente do Tribunal. Para ele, "os Poderes Judiciário, Executivo e Legislativo devem atuar unidos em prol da comunidade". Seguindo essa linha de raciocínio e referindo-se a elogios recebidos pela sua atuação, disse que sua "obrigação, como agente político, é prestar serviços a coletividade". Ele também opinou que o papel da Justiça do Trabalho não deve ser de potencializar conflitos, mas de fomentar a modalidade do diálogo.

Por sua vez, o prefeito Cláudio Tomás de Freitas, após lembrar da origem humilde, descreveu a evolução do município e da situação dos trabalhadores que prestam serviço na sua área rural. Ele contrastou uma época passada, em que as dificuldades eram imensas, com melhorias que vêm sendo obtidas no presente, com a participação da Justiça do Trabalho, que atua desde 2006 no município. "Fomos rompendo barreiras", disse ele.

Participação de autoridades

Participaram, no palanque do evento, além das autoridades já citadas, o presidente da Câmara Municipal de Iturama, vereador Iron Tomaz de Almeida; o procurador do trabalho Eliaquim Queiroz, representando a procuradora-chefe do Ministério Público do Trabalho (MPT) no estado; a representante da Defensoria Pública da Comarca de Iturama, defensora Cleriza Felipe Sanches Oberlander; os magistrados da 1ª e 2ª Varas Cíveis do município, juízes Caroline Dias Lopes Bela e Max Wild de Souza; os representantes do Ministério Público Estadual, promotores de justiça Silvana de Oliveira Franchi e Leonardo de Faria Gignon; a delegada-chefe da Polícia Federal em Uberaba, Karen Cristina Dunder; o delegado regional da Polícia Civil, Vitor Hugo Heisler; o representante da 5ª Região da Polícia Militar do estado, Tenente Coronel Eliel Alves Júnior; o comandante da 3ª Companhia Independente da Polícia Militar, capitão Magno Cipriano de Oliveira; o comandante da Polícia de Meio Ambiente e Trânsito, sargento Vandevaldo José de Oliveira; o comandante do 8º Batalhão dos Bombeiros de Minas Gerais, major André Humia Cazarim; a presidente Subseção da OAB no município, advogada Vanessa Cristina Tomaz de Freitas; o prefeito de Limeira do Oeste, Enedino Pereira Filho; a senhora Aderciona Fátima Urzedo, representando o prefeito de União de Minas; a presidente da Subseção da OAB de Campina Verde, advogada Emiliana Aparecida Urzedo; o presidente da Subseção da OAB de Ituiutaba, Valdecir Barbosa de Medeiros; o inspetor-chefe da Polícia Rodoviária Federal de Frutal, Altemiro Olinto Cristo; o inspetor-chefe do Crea / MG, Luciano Lacerda de Oliveira; o padre Ailton Batista Franco; e, como autoridades do TRT-MG, a secretária-geral da presidência, Sandra Pimentel Mendes; a diretora judiciária, Telma Lúcia Bretz Pereira; a assessora de apoio à 1ª instância, Denise Maria Reis Grego; a assessora de relações institucionais, Denise de Almeida Chaves Sancho; e o assessor de comunicação social da instituição, Francisco Brant.

Após a composição do palanque, no início da cerimônia, o Hino Nacional foi interpretado pelo Secretário de Cultura de Iturama, Romes Damasceno. O novo local da vara recebeu bençãos do padre Aílton Batista Franco, que falou do papel da Corte trabalhista em defesa de justiça e igualdade, que é exercido "buscando os direitos daqueles que, por alguns interesses, são desfavorecidos". Ele ainda desejou que, no local, todos saibam trabalhar em equipe, e fez uma oração para agradecer a Deus.

Antes de encerrar a cerimônia, o juiz Alexandre Chibante Martins ofereceu flores, como forma de prestar homenagem, à presidente do Tribunal, desembargadora Maria Laura Franco Lima de Faria; à esposa do prefeito da cidade, Poliana Queiroz; à defensora pública da comarca, Cleriza Felipe Sanches Oberlander; a juíza da 1ª Vara Cível local, Caroline Dias Lopes Bela; à delegada-chefe da Polícia Federal em Uberaba, Karen Cristina Dunder; e à presidente da Subseção local da OAB, Vanessa Cristina Tomaz de Freitas.

A Justiça do Trabalho se instalou no município desde 2006, na época como Posto Avançado vinculado à Vara de Ituiutaba. Desde 2011, o município conta com Vara do Trabalho própria. O juiz Alexandre Chibante Martins atua no local desde a criação do Posto. (de Iturama, David Landau - Fotos: Madson Morais)

Visualizações:

Seção de Imprensa imprensa [arroba] trt3.jus.br