Servidores e magistrados do Foro de Betim recebem treinamento em PJe

publicado 13/12/2012 12:36, modificado 13/12/2012 14:36

O juiz substituto Ézio Martins Cabral Júnior, conselheiro da Escola Judicial do TRT da 3ª Região, ministrou, nesta quinta-feira, 13, mais uma aula do curso preparatório de capacitação em Processo Judicial eletrônico da Justiça do Trabalho - PJe-JT para os servidores e magistrados do Foro de Betim. O magistrado informou que o curso para servidores e magistrados das Varas do Trabalho de Contagem já foi concluído e, que até segunda-feira, todos os servidores de Betim estarão treinados.

Servidores e magistrados do Foro de Betim recebem treinamento em PJe (imagem 1)
Foto Márcia Barroso

Ainda segundo o juiz Ézio Cabral, estão marcados para os próximos dias 17 e 18 outros dois treinamentos. "Vamos oferecer um treinamento aos advogados que atuam nas regiões de Contagem e Betim". Ainda dentro da programação deste ano, será realizado curso para mais uma turma de desembargadores, tendo como instrutor o desembargador Ricardo Antônio Mohallem, presidente do Comitê Gestor Regional do PJe-JT do TRT-MG.

A implantação do novo sistema nos Foros de Betim e Contagem, ambos localizados na região metropolitana de Belo Horizonte, será no dia 19, com solenidade marcada para 11h, na avenida Governador Valadares, nº 376, Centro, em Betim, e 15h30, na rua Joaquim Rocha, nº 13, em Contagem.

Comitê finaliza ajustes para implantação do sistema

Servidores e magistrados do Foro de Betim recebem treinamento em PJe (imagem 2)

Sob a coordenação do desembargador Ricardo Antônio Mohallem, o Comitê Gestor Regional do PJe-JT do TRT-MG reuniu-se nessa terça com equipe de diretores e assessores das principais unidades administrativas e judiciárias da JT-MG para ultimar os ajustes finais referentes à implantação do Processo Judicial eletrônico - PJe-JT nos foros de Betim e Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte e avaliar o funcionamento nas varas de Nova Lima, Conselheiro Lafaiete e Itaúna e no segundo grau de jurisdição do Tribunal, onde o sistema já está totalmente implantado. O grupo discutiu também a preparação das Varas de Caxambu, Viçosa e São Sebastião do Paraíso, que receberão o PJe a seguir, e a operacionalidade do sistema durante o período de recesso. Outro assunto tratado na reunião diz respeito à primeira sessão de julgamento na SDI-I (mandado de segurança), que será realizada nesta sexta-feira, dia 14.

Segundo o desembargador, em 2013, o TRT-3ª Região deverá expandir o PJe-JT para diversas varas. Além de Caxambu, Viçosa e São Sebastião do Paraíso, receberão o sistema as Varas de Ribeirão das Neves, Sabará, Uberaba, Sete Lagoas, Belo Horizonte, Divinópolis, Coronel Fabriciano, Governador Valadares, Pouso Alegre, Montes Claros, Passos, Itabira, Pedro Leopoldo, Juiz de Fora, Araguari, Iturama, Ituiutaba, Uberlândia, Santa Luzia, Pará de Minas, Três Corações, Varginha e o Posto Avançado de Frutal. O desembargador lembrou que o cronograma de expansão do PJe, poderá sofrer pequenas alterações decorrentes de ajustes técnico-operacionais. (Texto: Márcia Barroso)

Visualizações: