Você está aqui: Início / Notícias / Comunicação / Notícias Institucionais / Juiz da JT de Tocantins recebe medalha Ari Rocha

Juiz da JT de Tocantins recebe medalha Ari Rocha

publicado 24/11/2022 14:35, modificado 24/11/2022 14:35

O juiz Rogério Neiva Pinheiro, da Justiça do Trabalho da 10ª Região (Distrito Federal e Tocantins), foi agraciado na manhã desta quinta-feira (24/11) com a medalha da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho Desembargador Ari Rocha, edição 2021. A solenidade ocorreu no Gabinete da Presidência, na sede do TRT-MG, em Belo Horizonte.

A Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho Desembargador Ari Rocha foi instituída para distinguir e perpetuar a memória e o labor de pessoas e entidades em prol da paz e do engrandecimento da Instituição Judiciária do Trabalho em todos os níveis de atuação. Em sua última edição, realizada em setembro do ano passado, foram condecoradas 36 personalidades. Na ocasião, o juiz Rogério Neiva Pinheiro não pode participar por estar em Brasília atuando como magistrado auxiliar da presidência do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT).

Ao assinar o termo de agraciamento, o presidente do TRT-MG, desembargador Ricardo Mohallem, destacou a trajetória do homenageado na Justiça do Trabalho. “Desde 2015 a juiz Rogério Neiva empresta o seu conhecimento a todo judiciário trabalhista auxiliando diversas administrações do CSJT e do TST, além de ter uma atuação muito profícua no âmbito da conciliação. Essa homenagem tem uma simbologia grande, porque representa o reconhecimento da Justiça do Trabalho em Minas Gerais por tudo que ele desenvolveu”, afirmou.

800px_2022_1124_MedalhaAriRocha_JuizRogerioNeivaTRT10_LeoAndrade46.jpg

Da esquerda para a direita, o diretor do Fórum Trabalhista de Belo Horizonte, juiz Márcio Zebende; o corregedor do Tribunal, desembargador Fernando Rios Neto; o juiz Rogério Neiva; o presidente do TRT-MG, desembargador Ricardo Mohallem; e o juiz auxiliar da presidência, Renato Amado - Foto: Leonardo Andrade

O juiz Rogério Neiva se disse honrado em receber a medalha. “Pra mim é uma honra receber esse prêmio do TRT-MG, por tudo que esta instituição representa para o judiciário brasileiro. Seguramente este é um dos tribunais mais importantes que temos, não só pelo que produz em suas decisões como também na área acadêmica”, assegurou.

Ele também fez questão de ressaltar a relação de amizade que tem com o desembargador Ricardo Mohallem. “Nós nos conhecemos em 2015 quando eu estava auxiliando o CSJT a desenvolver políticas judiciárias de solução adequada de disputas, e o desembargador Mohallem era responsável pelas políticas de conciliação no TRT-MG. Estabelecemos um vínculo de amizade muito forte a partir dessa ocasião e, ao longo dessa jornada, busquei muitas vezes conselho e orientação com ele. Esse é mais um motivo de estar honrado por receber essa medalha”, concluiu.

No fim da cerimônia, o juiz auxiliar da Presidência do TRT-MG, Renato Amado, pediu a palavra para parabenizar e agradecer o juiz Rogério Neiva em nome da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra) e da Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 3ª Região (Amatra3), por toda colaboração do homenageado com as associações quando esteve no CSJT.

Visualizações:

Pesquisar

Pesquisa de notícias.

/ /  
/ /